sábado, 16 de maio de 2009

Sobre a Obesidade


Obesidade é uma palavra bem forte né? Muitas vezes quando eu disse que era obesa me falaram coisas do tipo "mas você não é obesa menina".

Por definição obesidade é " uma enfermidade caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal, associada a problemas de saúde, ou seja, que traz prejuízos à saúde do indivíduo"(fonte: ABC da saúde)

gordinha, fofinha, cheinha não importa de que inho me chamem, eu sou uma adolescente obesa e termos "carinhosos" não vão mudar meu peso (mas a miinha atitude vai)

Quando se fala em obesidade logo se lembra de pessoas com 200 quilos ou mais, que não conseguem se levantar de suas camas e esse blá blá blá. A questão é que a obesidade não se resume a isso. É MUITO comum as pessoas dizerem para mim que eu não sou obesa, que eu só estou um pouco acima do peso e mimimi.

Já que é pra ser sincera, vamos por as cartas na mesa: Oi, meu nome é Larissa e eu peso 106 quilos, só 40 a mais do que eu deveria pesar pra minha altura toda, mais ou menos 1,64m )o).

Agora vem a pergunta que não quer calar: mas porque demônios você se deixou chegar a esse peso menina?

Até meus 15 anos eu engordei desenfreadamente mesmo por três motivos principais: eu sou um ser muito ansioso, e descontava minha ansiedade na comida (oi, desenvolvi compulsão alimentar, beijosmil), era COMPLETAMENTE sedentária, e realmente, por mais que me incomodasse eu não me importava muito com fazer dieta essas coisas... Então, eu que era completamente contra o uso de remédios para emagrecer, porém pesava 118 quilos. Enfiei meu rabo entre as pernas e fui, a contra gosto, procurar um medico para me dar um remédio pra eu emagrecer e tchans. Comecei então, aos meus 15 anos, a fazer uso da sibutramina, juntamente com ansiolíticos, laxantes e diuréticos. Foi o demônio. Sentia muitos enjôos, tonturas, tive crises de pânico, e estava SEMPRE, mas SEMPRE MESMO passando mal. Mas sinceramente, eu passei um ano e meio sem ligar pra isso, porque eu consegui, senhoras e senhores, sem fazer exercício um dia sequer, emagrecer 43 quilos, pesava eu meus 75 quilos, estava completamente feliz com o resultado.

Só que ai, me aconteceu o que acontece com a maioria das pessoas que toma remédio: eu não me reeduquei alimentarmente, a sibutramina simplesmente tirou todo meu apetite e eu não comia, fiquei anêmica e depois de um ano eu estacionei, a sibutramina parou de reduzir meu apetite e eu só sentia os efeitos colaterais. Reduzi a dose e parei com ela e sabe o que aconteceu? Recuperei 20 quilos em uns 2 meses )o) depois disso tentei remédios mais fortes e só passei mal, nada de emagrecer, só de engordar e engordar, até que no fim do ano passado eu, com 101 quilos voltei a toar sibutramina e tive um quadro de enxaqueca que não foi bolinho não, fui para 96 quilos em um mês, porém essa enxaqueca não me deixava dormir, estudar, trabalhar, procurei VÁRIOS profissionais da saúde e TODOS falaram a mesma coisa: pare de torturar seu corpo com esses remédios, ou você vai acabar se matando. Muito animador, muito animador. Depois que eu parei com o s remédios foram mais 3 meses até as enxaquecas finalmente pararem. Nisso eu já estava com 111 quilos, peso com o qual eu comecei o projeto (quando eu fiz a primeira triagem eu estava com 96, tinha acabado de parar os remédios). Sim queridos, engordei 15 quilos em torno de um mês e meio, muito legal né?

eu de costas, bundinha pequenininha né?

Obesidade é uma doença, ninguém é obeso porque quer, acreditem nisso. Ganhar peso é muito, mas MUITO fácil, perder peso é o contrario, e normalmente que é obeso tem muita coisa contra ele na hora de perder peso. Primeiro que não são 2, 3, 5 quilos a se perder e sim, 20, 30, 40, 50. Segundo, muitas pessoas tem a genética e o metabolismo contra si, o que torna a batalha contra a obesidade uma batalha eterna. E se você é acostumado a comer muito e a não fazer exercício, não é do dia pra noite que você vai se acostumar a comer uma quantidade menor, a abrir mão de certos “prazeres da mesa” e se acostumar a pegar no pesado.

Mas com força de vontade, esforço e muita garra, nada nessa vida é impossível meus amigos

A todos aqueles que tiveram paciência de ler até aqui, deixo um beijo enorme

Não tenho cara de dizer o “sem mais” que eu uso sempre (uso sempre no flog XD) depois de escrever essa bíblia XD

6 comentários:

Yami no Hime disse...

Não sei escrever comentários "testamento", mas o texto merecia MUITO.

Adorei tudo que foi escrito, eu não minto quando digo que te admiro por escrever todas essas coisas, ser totalmente sincera e direta, acho isso ótimo e necessário.

Não tenho duvidas, você vai conseguir seu objetivo, melhorar de qualquer dano que essas substâncias tenham te causado e emagrecer tudo que precisa. o/

Já virei seguidora do blog e pretendo acompanhar todos os posts, até porque também quero emagrecer. ^_^

Beijos! :*

Ada disse...

Lari, que maravilha. Conheço da net meninas que têm diários de emagrecimento, e encontraram nessa iniciativa um motivo a mais pra fazerem tudo direitinho.
Estarei sempre aqui, te dando força. :)

Kath Carollo disse...

Lari, nossa vida sempre está numa eterna batalha, mas essa finalmente conseguiremos destruí-la. Com a ajuda de todos, nós vamos ser maiores que a dita genética e o metabolismo...
Somos vencedoras por tudo o que passamos.
Estou sempre aqui, pro que der e vier com você...

Bjussssssss

Julia.♥ disse...

a mais ou menos um mês eu comecei a fazer uma dieta com a nutricionista. eu tenho que emagrecer 11 quilos. se pra mim já é difícil eu imagino como deve ser pra ti. te desejo toda a sorte possível, e espero que tu consiga chegar ao teu objetivo sem muitas complicações. tu sabe que eu te adoro muito e sempre vou desejar o melhor pra ti. beijos

Mirian disse...

Lari,

Primeiramente quero te parabenizar por tomar esta atitude, de encarar os fatos como são se conscientizando e aos outros também.
Para nós deste projeto é tudo muito complexo e nada novo. Fazer dieta é parte de nossa vida, seja com remédios auxiliares ou não.
Bem, mas a cada dia que passa esta sendo mais e mais um lição de como se comportar e agir em relação a estes problemas. Falo para você de coração, seja otimista em tudo o que fizer, e mesmo que alguns momentos tiver a vacilada, não desista e não se sinta inútil em nada. Pense e veja o quanto será melhor daqui pra frente e que se desistir nunca alcançará.
Conte sempre conosco do projeto, porque passamos pelos mesmos problemas e talvez saibamos como agir e te aconselhar.
Desejo o melhor para todas nós mulheres gordinhas!
Beijos \o/ e forças!!

Barbara disse...

Olaa..sou a Bárbara (todos digam Oi babi )

skoaskoak;

- Boom apesar de estar sendo dificil essa "nossa" batalha .. fico adimirada com essa sua atitude .pois estamos em um mundo aonde "nao queremos enchergar a realidade"
e Lari vc esta enchergando agora da melhor forma possivel para vc.. Um modo de agir e de pensar tornam as pessoas mais responsaveis ..do que de dexistir .pode ter certeza ;D
..
Em relação a Obesidade .. realmente um termo forte ne?
mais que as pessoas poderiam como a Lari disse .. ver que não é porke qremos e sim porke as vezes nem percebemos que estamos engordando ..!
quando vemos ja estamos com um PESO absurdo !!
imagrecer realmente nao é doo mesmo jeito ..uns tem vontade de parar..outros so nao param porke existem AMIGOS. e outros a força de vontade é maior ..
assim é nosso grupo .. mais eu desejo do fundo do meu coração que sejamos sempre o ultimo : FORÇA DE VONTADE MAIOR .
assim conseguiremo juntos alcançar nossos objetivos
e lLINDA . tamo junto seeempre *-* amixade que vai crescer com certeza graças a sua mudança radical :D